Eurostyle Systems amplia unidade construída há apenas um ano

Data de publicação

  • Ampliação da fábrica no Parque Empresarial de Lanheses, em Viana do Castelo, permitirá duplicar capacidade de produção e de logística da multinacional francesa, criando 250 postos de trabalho diretos
  • Construtora assegura atualmente no município de Viana do Castelo mais quatro obras de Design & Build para empresas do ramo automóvel

Apenas um ano após ter concluído a construção de uma unidade industrial com 6.000 m2 no Parque Empresarial de Lanheses, em Viana do Castelo, para a Eurostyle Systems, a Garcia Garcia está já a desenvolver a sua ampliação. Ampliação, essa, que permitirá à multinacional francesa do setor automóvel duplicar a sua capacidade de produção e de logística, criando 250 postos de trabalho diretos. Especializada no design & build de edifícios industriais e logísticos, a construtora está atualmente envolvida em mais quatro projetos para o ramo automóvel em Viana do Castelo.
A expansão da unidade da Eurostyle, do Grupo GMD, esteve desde sempre prevista no projeto da Garcia Garcia, prevendo-se o seu desenvolvimento em duas fases adicionais, dependentes da evolução do mercado e do crescimento da empresa. Porém, uma nova encomenda de fabrico de portas para automóveis precipitou a segunda e terceira fases de ampliação, cuja execução arrancou em junho passado. A conclusão está prevista para abril.
Deste modo, a unidade industrial será ampliada em 12.700 m2, totalizando uma área produtiva e de armazenagem de 18.800 m2.
Pertencente ao Grupo GMD, a Eurostyle é a Divisão de Sistemas Plásticos, sendo a sua produção destinada aos mercados nacional e internacional, entrando diretamente na cadeia de valor de gigantes como Citroën, Opel, Nisssan, Renault, Audi, Volkswagen, entre outras. A empresa marca presença em vários países, como França, Eslováquia, Rússia, Marrocos e Portugal, e emprega mais de 1.500 pessoas, distribuídas por 11 unidades de produção e quatro centros técnicos. No nosso país, a empresa produz essencialmente peças injetadas de plástico para componentes da indústria automóvel. A aposta na expansão das suas instalações visa reforçar o seu posicionamento no mercado e fomentar o seu crescimento internacional.
Terraplanagem obrigou ao movimento de 180 mil m3 de terra
A ampliação em curso arrancou com a terraplanagem do terreno, que obrigou ao movimento de cerca de 180 mil m3 de terra.
Ao nível da arquitetura e das soluções construtivas adotadas, a obra obedece à linha definida pela primeira fase do projeto, com destaque para o recurso à pré-fabricação de modo a potenciar a celeridade na execução. De salientar ainda os 84 metros de canais técnicos enterrados para redes de suporte à produção.
Uma vez que a ampliação estava prevista desde o início, a estrutura do edifício, as suas infraestruturas de suporte e áreas técnicas foram dimensionadas e posicionadas em locais estratégicos para poderem suportar a atual expansão.
Recorde-se que, em julho 2016, na altura do lançamento da primeira pedra do projeto Eurostyle Systems Portugal, marcou presença o primeiro-ministro António Costa. Em setembro do ano seguinte, o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, inaugurava a unidade da multinacional francesa, um investimento de 18 milhões de euros.

Gabinete:

GARCIA, GARCIA S.A.