Corredor Sur na Província de Buenos Aires, Argentina

Data de publicação

A Mota-Engil confirmou a adjudicação, a um consórcio por si detido em 33%, de um contrato de construção e de concessão do Corredor Sur na Província de Buenos Aires, Argentina. A Mota-Engil ganhou este contrato no âmbito do concurso de PPP Vias Seguras patrocinado pelo Governo da Argentina.

A concessão tem uma extensão de 247 km, incluindo a ligação ao aeroporto de Buenos Aires, um tráfego médio diário de cerca de 250.000 veículos e um período de vigência de 15 anos. O Concessionário terá de assegurar trabalhos de construção em 20 km de área urbana e em 227 km de área rural num valor que excede os USD 900 milhões, sendo mais de 95% daquele montante correspondente a alargamentos de vias e/ou a reabilitações. Os trabalhos de construção mais significativos terão uma duração de 5 anos.

O perfil financeiro da concessão inclui pagamentos por disponibilidade, os quais asseguram o valor das obras de reabilitação e de alargamento em 80% do investimento total, sendo o restante investimento e os gastos de operação cobertos pela cobrança de portagens.

O pagamento por disponibilidade é assegurado por um trust, propriedade do Governo da Argentina, o qual irá receber os impostossobre combustíveis, bem como o recebimento parcial de algumas portagens com a obrigação contingente do Governo de suprir qualquer insuficiência verificada. Este tipo de concessões Público-Privadas foi acordado recentemente nas negociações mantidas entre o Governo da Argentina e o Fundo Monetário Europeu.

www.mota-engil.pt